A Região do Douro - Portugal

douro  

O Alto Douro Vinhateiro - Parimónio Mundial 

O Alto Douro Vinhateiro é uma zona particularmente representativa da paisagem que caracteriza a vasta Região Demarcada do Douro, a mais antiga região vitícola regulamentada do mundo.

A paisagem cultural do Alto Douro combina a natureza monumental do vale do rio Douro, feito de encostas íngremes e solos pobres e acidentados, com a acção ancestral e contínua do Homem, adaptando o espaço às necessidades agrícolas de tipo mediterrâneo que a região suporta.

Muitos países, nomeadamente do centro da Europa, reclamam a existência de zonas perfeitamente identificadas como sendo produtoras de vinhos com características especiais, mas a primeira demarcação, classificação das parcelas de vinha e hierarquização dos vinhos produzidos foi feita, de facto, no Douro.

Nos anos oitenta, verificou-se um novo movimento de expansão do vinhedo, com particular incidência no Cima Corgo e no Douro Superior.

O sector do vinho do Porto conheceu, nos últimos vinte anos, mudanças significativas. Surgiram novas formas de organização da vinha. Modernizaram-se, onde foi possível, as práticas vitícolas e as técnicas de vinificação.

A cultura enológica regional passou da fase empírica à fase científica, para o que contribuiu a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro. 

Em 2001, a UNESCO elevou a região do Alto Douro Vinhateiro a Património Mundial, premiando o trabalho árduo do homem do Douro e a excelência dos vinhos ali produzidos. Destes, sobressai um ex-líbris de Portugal, o Vinho do Porto. 

A melhor forma de apreciar todo este conjunto é percorrer a Rota do Vinho do Porto ou a Rota das Vinhas de Cister, cujo nome se deve à Ordem Religiosa que teve um papel fundamental no desenvolvimento da região. 

O Mosteiro de São João de Tarouca é o principal testemunho da sua presença, mas conheça também o Mosteiro de Salzedas ou a curiosa Torre e Ponte da Ucanha, que em tempos servia de portagem. 

Depois, embarque num cruzeiro pelo rio Douro ou siga o seu curso de carro ou num pitoresco percurso de comboio a vapor, e descubra um património monumental e cultural de raízes milenares. 

 

A Região Douro - Património Cultural e Monumental 

Eça de Queiroz, Miguel Torga, Guerra Junqueiro… inspiraram-se no Vale do Douro. Nesta região o olhar perde-se por vinhedos e socalcos, vegetação espontânea e agreste, vales pelos quais vai serpenteando o rio Douro.

Vilas e aldeias típicas, solares e quintas tradicionais, e todo um espólio arqueológico desde a pré-história, como o Vale do Côa, considerado um dos mais importantes sítios de arte rupestre do mundo e também ele classificado como Património da Humanidade pela UNESCO. 

A Herança Medieval da Região do Douro é também assinalável, presente em Castelos como o de Numão ou de Penedono. O Palácio de Mateus, num imponente estilo barroco, localizado perto de Vila Real é um dos principais dinamizadores culturais da região com um diversificado programa de actividades.

Não deixe de assistir às típicas festas celebradas um pouco por toda a região, em especial na altura do Carnaval e das Vindimasno Douro, bem como às romarias religiosas em honra da Senhora da Lapa, perto de Sernancelhe, ou de Nossa Senhora dos Remédios, em Lamego. 

Não faltam na região ranchos, grupos de cantares e música tradicional para animar o espírito. E para repousar, sabe bem retemperar as energias em termas milagrosas e repousar numa casa de Turismo Rural da Região.

Por isso aqui fica o convite. 

Alugue uma Casa no Douro com vista e localização privilegiadas, para desfrutar desta região, com privacidade e conforto, na companhia da sua família e amigos. 

Ver mais imagens da Região do  Douro»